Games News Edição digital nº 90 Edição digital nº 91 Games News - Home Edição digital nº 92
SALEX 2013
GTI
ENADA

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

G&A 2012
 

Detona Ralph - Nova animação da Disney vem com açúcar e com humor

Detona Ralph

No roteiro, o grandalhão Ralph sonha em deixar de ser o vilão do jogo de fliperama Conserta Félix Jr. e se tornar herói

Tudo que o diretor Rich Moore não queria em seu primeiro filme para a Disney era uma história politicamente correta, que não pudesse abusar das piadas mais ácidas que fizeram de "Os Simpsons", "Futurama" e "O Crítico" sucessos arrebatadores que ele dirigiu na TV. "Fazer animações é o emprego dos sonhos. Adoro o que faço. E quando John Lasseter (produtor executivo e um dos nomes fortes da Disney/Pixar) me convidou para dirigir ´Detona Ralph´, queria que eu criasse uma história sobre videogames. E garantiu que eu poderia trabalhar com total liberdade. Este precisaria ser um filme que não menosprezasse a inteligência das crianças", comentou Moore em entrevista feita por telefone direto de Los Angeles.

Ralph é um cara mau, desastrado, e acaba causando alguns acidentes, mas é um ótimo cara mau. Aqui, ele com Vanellope von Schweetz

Propósito definido e carta branca em mãos, Moore tinha um pequeno desafio à frente: como evitar o bom-mocismo se seu protagonista, o grandalhão Ralph, sonha em deixar de ser o vilão do jogo de fliperama Conserta Félix Jr. e se tornar herói? Ralph quer ganhar uma medalha e se tornar um mocinho, "porque todo mundo gosta dos mocinhos". Para isso, o destruidor elabora um plano (quase) infalível: quando um novo jogo, Missão de Herói, da heroína hardcore Sargento Calhoun, surge no fliperama em que ´vive´ Ralph, ele invade o tabuleiro do vizinho disposto a ganhar a tal medalha, que o tornará um herói e, finalmente, agradar aos seus companheiros de Conserta Félix Jr. Obviamente, nem tudo dá certo: ele liberta sem querer um inimigo mortal que põe em risco todos os jogos do fliperama e vai parar no ultra-açucarado Corrida Doce, um jogo de corridas em que até os carros são feitos de bolos, glacês, suspiros, marshmallow. É então que ele conhece a menina problema Vanellope von Schweetz. Garotinha encrenqueira, ela é uma bug que não pode, por regra, participar da corrida. Assim como Ralph, só quer ser aceita no jogo. "Ela quer correr. Ele quer a medalha, o prêmio do vencedor. Eles têm de trabalhar em equipe. Detestam-se no começo, mas percebem que, no fundo, são parecidos, e acabam funcionando como irmão mais velho e irmã mais nova", diz Moore.

É longa a jornada da dupla até descobrir que "a pessoa é para o que nasce" e seu grande defeito (no caso de Ralph, o de destruir tudo com perfeição e de Vanellope, o de contestar e se rebelar) também pode ser seu grande talento.

"É nessa hora que o filme se torna real. É honesto com o público por trazer temas que todos encaramos. Sobre o que é a vida? Para que fomos feitos? Ralph é um cara mau, desastrado, e acaba causando alguns acidentes, mas é um ótimo cara mau. E talvez seja a hora de aceitar essa dualidade em sua vida", reflete o diretor, que, além de não ser politicamente correto, fez questão de realizar um filme com o qual os adultos pudessem se divertir. "Não foi tarefa das mais fáceis. Mas os grandes têm humor para rir de situações mais infantis também. E os pequenos têm sensibilidade para entender piadas mais ácidas. Esta história tem um coração, tem situações que poderiam ser reais, não fosse o fato de se passarem em um mundo em que até os montes nevados são de açúcar", brinca.

Referências

Considerando que Conserta Félix Jr. é um jogo dos anos 90, com o típico visual 2D da época, não foi difícil criar situações que fazem com que qualquer jovem adulto acesse suas mais tenras memórias da era de Tetris, Pac Man e River Raid. Esta é a geração que cresceu com o Atari, que sonhava em ganhar um Mega Drive e que pode considerar o Nintendo Wii e seu visual hiper-realista um tanto quanto "moderno demais" - e que hoje leva seus filhos, proprietários do XBox e do PSP, ao cinema.

"Quando foi que os jogos ficaram tão violentos e assustadores?", pergunta Ralph ao fugir de seu universo pixelado e cair no hiper-realista Missão de Herói. Qualquer semelhança com o ultraviolento Resident Evil não é mera coincidência. Sãos os choques de realidade, e de gerações de jogadores, que rendem as melhores sacadas de Detona Ralph. Talvez seja programa para fãs de games, mas até os mais leigos podem dar boas risadas.

Para quem prefere opção dublada, Ralph, que na versão americana tem a voz de John C. Reilly, ganha a interpretação de Tiago Abravanel. Rafael Cortez dubla Félix (voz em inglês de Jack McBrayer) e MariMoon é Vanellope (em inglês, voz de Sarah Silverman).

Mais informações: Detona Ralph. (Wreck-It Ralph, 2012, EUA). De: Rich Moore. Com Tiago Abravanel, Rafael Cortez e MariMoon na dublagem brasileira. Salas e horários de exibição no caderno Zoeira.

FLAVIA GUERRA AGÊNCIA ESTADO
Fonte: Diário do Nordeste
Link: http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=1220685

(15/01/2013)

 

Pimball Brasil

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Portal de Buffets IO Eletrônica
Racemachine Parques Magic Dreams
R&M Informática

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

El Recreativo.com

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Ital-Resina Fibrasmil

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Imply